Por unanimidade, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB) decidiu pelo deferimento da candidatura a prefeito de Esperança de Arnaldo Monteiro (Solidariedade), na noite dessa quarta-feira (11).

Em seu voto, o Desembargador relator, Joás de Brito Pereira, foi de encontro a decisão da juíza zonal, que alegava que Arnaldo Monteiro estava inelegível.

O magistrado seguiu a jurisprudência do Tribunal Superior Eleitoral e confirmou a elegibilidade do candidato Arnaldo Monteiro por não existir enriquecimento ilícito em condenação posta pelo Tribunal Regional Federal da 5ª região em 2018.

Com Blog do Max Silva