O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, recebe centenas de estudantes para a prática de atividades de ensino na área da saúde. Nesta quinta-feira (29), mais uma turma de alunos do Programa de Residência Integrada Multiprofissional em Saúde Hospitalar (Rimush), da Universidade Federal da Paraíba, apresentaram os apontamentos de finalização de estágio no complexo hospitalar.

Os profissionais de saúde residentes, com formação superior nas áreas de serviço social, enfermagem, farmácia, fonoaudiologia, fisioterapia, nutrição, psicologia, terapia ocupacional e odontologia acompanharam durante dois meses os pacientes internos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e com isso puderam fazer um relatório apontando pontos que possam garantir, de forma progressiva e planejada, a melhoria da qualidade da atenção à saúde no setor.

Para a coordenadora do Programa, Adriana Cezar Cavalcante, o Hospital de Trauma se caracteriza por ser uma unidade de referência em procedimentos de maior densidade tecnológica (complexidade). “Nossos residentes passam dois meses dentro da instituição, e isso, sem sombra de dúvida, é um aprendizado grandioso, pois sabemos que a instituição conta com profissionais capacitados contribuindo de forma clara no crescimento profissional dos residentes”, frisou.

A coordenadora do Núcleo de Estágio, Pesquisa e Eventos (NECE), Efigênia Lino, explicou que a unidade de saúde é um centro de formação, ensino e atuação de importantes especialidades. “A ação dos nossos residentes, bem como de todos os estudantes que passam por aqui contribuem nos processos de inovação assistencial e incorporação tecnológica em saúde. Garantimos a qualidade da formação de novos profissionais de saúde e da educação permanente em saúde para os profissionais já atuantes, priorizando as áreas estratégicas do SUS”, ressaltou.

A residente Larissa Leitão destacou a importância da residência no Hospital de Trauma. “Aprendemos muito nesses dois meses, isso porque o hospital possui unidades de internação, pronto socorro, serviços de apoio diagnóstico e terapêutico, além de atender diversas especialidades e realizar cirurgias de média e alta complexidade”, afirmou.

Com assessoria