A Polícia Civil prendeu na tarde desta terça-feira (28), o suspeito de matar um comerciante na Empasa de Campina Grande, em 2017. Segundo as investigações da polícia, Ednaldo da Silva Lopes seria o autor dos disparos do crime de latrocínio que vitimou o comerciante Josenilton Bauduino de Brito, de 47 anos. 

O crime ocorreu em 2017, na área de embarque da Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa), em Campina Grande. Ele era natural do Junco do Seridó e estava em Campina Grande para comprar mercadorias para a empresa dele.

De acordo com o delegado do caso, Cristiano Santana, os homens são maiores de idade e o crime foi premeditado. “Um tem 22 anos e o outro 19 anos. Além das identidades, a gente já conseguiu saber que os suspeitos sabiam a hora exata que o homem chegaria no local. Eles tinham informações privilegiadas que favoreceram o cometimento do crime”, revelou o delegado.